Administração Aguda Melhora a Memória Verbal de Curto Prazo

Memória

Mecanismos Propostos para a Eficácia do H. perforatum

Hypericum perforatum é comumente utilizado no tratamento da depressão leve a moderada. Estudos pré-clínicos nos últimos 20 anos têm avaliado sua administração na melhora de funções cognitivas, principalmente aquelas associadas com a memória em indivíduos saudáveis (Yechiam et al., 2019).

Hypericum perforatum e o Fator Neurotrófico Derivado do Cérebro (BDNF)

Os fatores neurotróficos, incluindo a família da neurotrofina, Fator Neurotrófico Derivado da Linhagem de Célula Glial (GDNF), Fator Neurotrófico Ciliar, Fator de Crescimento Nervoso (NGF) e BDNF desempenham um importante papel na memória e no desenvolvimento e sobrevivência de neurônios (Valvassori et al., 2018).

H. perforatum

Hypericum perforatum na Memória em Pacientes Saudáveis

Up-regulation dos níveis de BDNF
Inibição de monoaminas, como serotonina, dopamina e noradrenalina

Essas monoaminas são conhecidas por seu papel regulador nas funções de memória

Evidências demonstraram que o H. perforatum aumentou a transmissão dopaminérgica em humanos. Efeitos similares foram observados em estudos de eletroencefalografia (Yechiam et al., 2019).

Estudo Comprova

H. perforatum Melhora a Memória Verbal

Esse estudo teve como objetivo avaliar se o tratamento com H. perforatum em uma única dosagem melhora a memória e atenção sustentada, bem como humor e status de ansiedade em adultos saudáveis (Yechiam et al., 2019).
Tratamento 1
H. perforatum
250 mg
Tratamento 2
H. perforatum
500 mg
Placebo

  • Cada participante recebeu o placebo em uma visita e uma das dosagens de H. perforatum em outra.

Assim, 82 estudantes com idade entre 18 e 40 anos foram selecionados para receberem:

Resultados:

  • Um efeito positivo do tratamento 1 na Amplitude de Memória de Dígitos (média de Cohen d=0,58) foi observada;
  • Em contraste o tratamento 2 teve um efeito negativo na Amplitude de Memória de Dígitos (média de Cohen d=-0,48);
  • Um efeito similar surgiu ao fatorar os testes de memória de curto prazo;
  • Ambas as dosagens melhoraram o humor.

Amplitude de Memória de Dígitos na Ordem Direta
Hypericum perforatum na Memória em Pacientes Saudáveis

Conclusão:

Os resultados indicam que o tratamento com baixa dose de H. perforatum teve um efeito positivo na capacidade de memória verbal de curto prazo, e enfatiza a importância de manter pequenas dosagens em aplicações nootrópicas.

Formulário

Formulações para Melhora da Memória

Melhora da Memória Verbal a Curto Prazo

Cápsula de H. perforatum


H. perforatum………………………250 mg
Excipiente qsp…………………1 Cápsula

Administrar 1 cápsula ou conforme orientação médica.

Melhora o Funcionamento Cognitivo e a Memória Não Verbal

Cápsulas de Vitamina D3


Vitamina D3……………………….4000 UI
Excipiente qsp…………………1 Cápsula

Administrar 1 cápsula ao dia ou conforme orientação médica.

Em adultos saudáveis com níveis de Vitamina D3 <75 nmol/L, a administração de altas doses de vitamina D3 (4.000 UI diariamente) se mostrou importante para o funcionamento cognitivo de alto nível, especificamente a memória não verbal (Pettersen, 2017).

Melhora da Memória, Ansiedade, Depressão e Qualidade do Sono

Cápsulas de Alecrim


Alecrim……………………………… 500 mg
Excipiente qsp…………………1 Cápsula

Administrar 1 cápsula duas vezes ao dia ou conforme orientação médica.

De acordo com um estudo, a administração de alecrim em estudantes com 20 a 25 anos de idade pode ser usado para aumentar a memória prospectiva e retrospectiva, reduzir a ansiedade, a depressão e melhorar a qualidade do sono (Nematolahi et al., 2018).

Formulações para Melhora do Humor, Ansiedade e Atenção

Melhora do Humor e Ansiedade sem Redução da Energia ou Cognição

Cápsulas de Ansiless®


Ansiless®……………………………350 mg
Excipiente qsp…………………1 Cápsula

Administrar 1 cápsula 3 vezes ao dia ou conforme orientação médica/nutricional.
*Dose usual: 250 mg 2 vezes ao dia.

Ansiless® é um fitoativo com importante ação ansiolítica e sobre a melhora do humor, padronizado em 5% de escutelarina.
Nome científico: Scutellaria lateriflora L.
De acordo com um estudo, a administração de S. laretiflora em participantes saudáveis tem efeitos ansiolíticos e melhora o humor sem reduzir a energia ou cognição (Brock et al., 2014).

Associação para Melhora da Atenção

L-teanina + Cafeína


L-teanina…………………………….200 mg
Cafeína………………………………160 mg
Excipiente qsp…………………1 Cápsula

Administrar 1 cápsula ou conforme orientação médica.

Um estudo avaliou os efeitos da L-teanina e cafeína na atenção, direcionamento de estímulos e diminuição de desvios de recursos neurais para distratores.
De acordo com os resultados, essa associação melhorou o tempo de reação de discriminação do estímulo de cor visual, reduziu as respostas de Ressonância Magnética Funcional aos estímulos de distração em regiões cerebrais que regulam a atenção visual (Kahathuduwa et al., 2018).

Referências

BROCK, C. et al. American Skullcap (Scutellaria lateriflora): a randomised, double-blind placebo-controlled crossover study of its effects on mood in healthy volunteers. Phytother Res, v. 28, n. 5, p. 692-8, May 2014. ISSN 0951-418x.

KAHATHUDUWA, C. N. et al. l-Theanine and caffeine improve target-specific attention to visual stimuli by decreasing mind wandering: a human functional magnetic resonance imaging study. Nutr Res, v. 49, p. 67-78, Jan 2018. ISSN 0271-5317.

NEMATOLAHI, P. et al. Effects of Rosmarinus officinalis L. on memory performance, anxiety, depression, and sleep quality in university students: A randomized clinical trial. Complement Ther Clin Pract, v. 30, p. 24-28, Feb 2018. ISSN 1744-3881.

PETTERSEN, J. A. Does high dose vitamin D supplementation enhance cognition?: A randomized trial in healthy adults. Exp Gerontol, v. 90, p. 90-97, Apr 2017. ISSN 0531-5565.

VALVASSORI, S. S. et al. Hypericum perforatum chronic treatment affects cognitive parameters and brain neurotrophic factor levels. Brazilian Journal of Psychiatry, v. 40, p. 367-375, 2018. ISSN 1516-4446. Disponível em: < http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-44462018000400367&nrm=iso >.

YECHIAM, E. et al. The acute effect of Hypericum perforatum on short-term memory in healthy adults. Psychopharmacology (Berl), v. 236, n. 2, p. 613-623, Feb 2019. ISSN 0033-3158.